Clique e visite a landing do Congresso ClienteSA 2022

O canal para quem respira cliente.

Muito além dos banners

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin



Quando se fala em marketing digital, sempre vem à mente ações de divulgação realizadas nos grandes portais, com diferentes tipos de banners ou nos buscadores e suas técnicas de otimização de sites para que estejam bem posicionados, sem falarmos nos links patrocinados. Porém, temos de atentar também para outras possibilidades, menos comentadas, mas igualmente importantes para o marketing digital, como ações em games, relações públicas e até mesmo ações de sustentabilidade.

O advertainment, como ferramenta de divulgação, pode ser muito útil para alguns produtos. Entre as principais modalidades está o advergaming, pois um dos fatores mais interessantes é a idade média dos jogadores, que é de 29 anos, ou seja, atrai público de milhões de pessoas com alto poder de consumo.

Outro ponto bem relevante é a imersão. Quando estão jogando as pessoas ficam completamente focadas, não há dispersão, o que é dificílimo de ser obtido em outros tipos de mídia. Além disso, os fabricantes investiram muito em tecnologia, com grandes inovações e aumento de velocidade, fazendo com que essa imersão seja ainda maior.

Os games on-line são extremamente úteis, pois sua atualização é muito ágil, além de permitirem segmentação e mensuração completa para acompanhamento do perfil de quem está jogando. Exemplos famosos, em geral, têm o produto como parte do contexto e são chamados de product placement, já que esse tipo não é percebido como invasivo pelos jogadores, muito pelo contrário, para eles o jogo se torna ainda mais real, como se fosse um outdoor de refrigerantes ao longo da pista de corrida, ou a logomarca de um fabricante de computadores que surge durante o jogo, ou até mesmo uma competição musical onde se usam os equipamentos de determinada marca real. Portanto, para produtos como bebidas, artigos esportivos, musicais ou infantis, torna-se uma excelente ideia levar em conta essa alternativa de divulgação.

Outra preocupação que se deve ter na campanha de marketing digital está relacionada ao uso das redes sociais, devido ao poder que a internet tem ao fazer parte da vida das pessoas, bem como das empresas, afetando a forma como consumimos ou nos relacionamos. Afinal, são mais de 40 milhões de usuários, mais de 13 milhões de e-shoppers e mais de 20 milhões que utilizam internet banking no País.

Ressalto também a importância do e-commerce nesse contexto, que se tornou quase uma obrigação para quem está no varejo tradicional.

Há que ser considerada ainda a atividade de relações públicas on-line, embora muitos acreditem que não faça parte das atribuições do marketing, mas que vem sendo cada vez mais utilizada pelas empresas que se preocupam com sua posição no universo digital e sabem que devem usar essas ferramentas para aprimorar o relacionamento com seus consumidores.

Para atender essas companhias, surgiram empresas que fazem também mapeamento das marcas na rede, pois hoje o internauta pode produzir e disseminar conteúdos com enorme velocidade, muito maior do que a velocidade de reação das empresas e, com isso, manifestar suas frustrações e influenciar milhares de pessoas.

Há outras ações que também têm sido implantadas via web, como as de sustentabilidade, exemplo disso é o novo portal da Philips, ou então na área de educação, como os exemplos da empresa de telefonia GVT ou da SOS Computadores. Fica claro que a cada dia a necessidade de interagir on-line com seus públicos se torna mais premente.

Sandra Turchi, é superintendente de marketing da Associação Comercial de São Paulo, a Acsp, e coordenadora do curso de inovação em comunicação digital, na Escola Superior de Propaganda e Marketing, a Espm. ([email protected])

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima