O canal para quem respira cliente.

As únicas quatro métricas do email marketing que realmente contam

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Email Marketing Metrics

Entregabilidade, aberturas, cliques e cancelamentos — fique de olho nesses índices
John Grimshaw, gerente de operações de marketing da Digital Marketer e colunista do The Austin Phoenix, fez recentemente um desafio: “se eu lhe der 1 dólar para divulgar seu negócio, o que você faria?” Segundo ele, o instinto da maioria dos executivos atuais seria correr para o Facebook, ou talvez economizar o dinheiro para investir no mais recente software de marketing. No entanto, o maior ROI ainda vem de uma fonte surpreendente: email marketing. Um estudo recente da DMA mostrou que esse ROI pode ser de até 3.800%! Mas para atingir esses resultados é necessário garantir que eles estarão realmente gerando negócios. Para isso, é preciso prestar atenção a quatro métricas de marketing. Isso mesmo, enfatizou ele, apenas quatro: entregabilidade, taxa de abertura, taxa de cliques e taxa de cancelamento. A entregabilidade diz a você qual o percentual dos emails enviados chegam de fato às caixas de entrada. Em outras palavras, indica quantas pessoas realmente receberam seu email e dá uma noção da qualidade da lista — quantos passaram pelo “teste do spam” aplicado por provedores como Gmail e Yahoo. A taxa de abertura descreve se sua linha de assunto estimular os recipientes a separarem um tempo para ler seu email. A taxa de cliques é muito importante porque mede se as pessoas estão realmente realizando as ações desejadas. E a taxa de cancelamento pode indicar quais mensagens não estão funcionando. Ela deve ficar abaixo de 0,15%, disse Grimshaw, ou você logo verá a taxa de entregabilidade também cair. Fonte: Digital Marketer 

Falha no protocolo WPA2 deixa vulneráveis dispositivos sem fio — inclusive seu smartphone
O pesquisador Mathy Vanhoef, do grupo de pesquisas imec-DistriNet,Universidade Católica de Leuven, Bélgica, anunciou nesta segunda-feira, 16/10, a descoberta de uma falha séria no protocolo WPA2 que permite a hackers e outras forças hostis que estejam próximos a dispositivos sem fio inteceptar senhas, emails e outros dados que se imaginavam criptografados. Em alguns casos, eles podem inserir ransomware e outros conteúdos maliciosos em um website que o usuários estiver visitando. Esse tipo de ataque foi batizado de KRACK, sigla que significa “ataque de reinstalação de chaves” e atinge praticamente todos os dispositivos conhecidos que usam Wi-Fi, inclusive smartphones de todas as marcas e sistemas operacionais. (O site Olhar Digital publicou um guia — https://olhardigital.com.br/fique_seguro/noticia/entenda-o-krack-a-falha-no-wi-fi-que-atinge-praticamente-todos-os-dispositivos/71698 — que pode ajudar os usuários a se protegerem melhor. Fonte: KrackAttacks.com

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima