Consumidor 2.0. Você é um deles?

Estava lendo o blog GotLoyalty quando deparei com este artigo
sobre “quem é o consumidor 2.0. Interessantíssimo, achei que valia a pena
trazer para este meu blog alguns excertos do post e também algumas imagens.

Começando pela explicação: “Consumidor 2.0 é uma expressão
que descreve um conjunto de comportamentos relacionados a como os consumidores
reagem com a informação no contexto do ciclo de vida da decisão de compra.” GotLoyalty
estima que mais de 150 milhões de consumidores americanos poderiam ser rotulados
“consumidores 2.0″.

Mas há uma definição mais simples:

O Consumidor 2.0 usa a
tecnologia através do ciclo de vida da compra (purchase lifecycle) para facilitar recomendações e pesquisas nas
decisões de compra.

Comparado com o Consumidor 1.0, o Consumidor 2.0 é mais propenso a acessar
informação digital, confia menos em publicidade tradicional (brand-sponsored advertising), sente-se
mais confortável para comprar online e confia menos na sua própria experiência
física ao tomar uma decisão de compra. Da mesma forma que um Consumidor 1.0, ele
confia firmemente em seus amigos, sua família e suas conexões – tanto as online
como as offline. 

Apesar disso tudo, a expressão “Consumidor 2.0″ não descreve
necessariamente um conjunto de comportamentos que envolve tecnologia. O fato é
que, como um conjunto, consiste principalmente do que está sendo chamado “Millenials”,
essa nova geração que cresceu já no século XXI e que são tecnologicamente muito
capazes.

Assim, as redes sociais têm tudo a ver com o Consumidor 2.0, porque, por
exemplo, a maioria dos usuários do Facebook têm 44 anos ou menos – ou seja, são
“Millenials” e seus pais, da Geração X, cuja relação de influência é recíproca. 

Outra característica é o uso crescente de smartphomes. E o fato de que as
pessoas que usam esses equipamentos para se conectarem serem duas vezes mais
ativos nessas redes. E que os consumidores tomam decisões de compra cada vez
mais baseados em recomendações recebidas em redes sociais.

Vejam o que dizem algumas pesquisas:

  • 67% dos compradors gastam
    mais online depois de recomendações
    de sua comunidade online de
    amigos. (Internet
    Retailer)
  • Um estudo de março de 2009,
    da Knowledge Networks, descobriu que entre 10% e 24% dos usuários
    americanos de mídias sociais procuraram redes sociais quando estavam
    tomando decisões de compra
    sobre várias categorias de produtos e
    serviços. (eMarketer)
  • Facebook, blogs, Twitter e “reviews”
    de consumidores
    são considerados as the táticas mais efetivas
    para mobilizar consumidores a falar sobre produtos online.
    (Etailing, pesquisa com 117
    empresas)

 Agora é sua vez:
você é um consumidor 2.0?