Desafie as expectativas do consumidor em relação a Comportamento do Email e pague o preço



O Email Insider de ontem trouxe um artigo interessantíssimo, assinado por Chad White, diretor de Retail Insights e Editor do Email Experience council, da Direct Marketing Association. Eis um resumo:


Segundo Chad, a maioria dos consumidores não lêem as políticas de privacidade, os regulamentos de concursos e quaisquer outros textos preparados pelos seus advogados. Em vez disso, eles confiam inteiramente em suas experiências passadas, no bom senso e na percepção de como as coisas deveriam funcionar, considerando que você está “jogando pelas regras”. E se você se desviar disso, não importa quanto “legal” esteja os textos que você colocou no email, terá pela frente uma comunidade de consumidores revoltados que procurarão sair do seu programa ou, pior, marcarão seus emails como spam.


Eis alguns  casos, reunidos pelo Chad, em que as empresas ousaram ir contra as expectativas do consumidor:


Levando comentadores do blog para seu programa de email. Chad comenta uma ação da Bluefly que convidava os leitores do seu blog a criarem legendas para um imagem do último episódio de “Project Runway” (patrocinado pela Bluefly), com um regulamento que dizia que eles estavam aceitando receber emails. Duas semanas depois, os comentaristas começaram a receber emails sem uma explicação clara sobre a fonte da captura dos endereços. Devem ter surgido problemas, pois a parte do opt-in desapareceu do regulamento. Bluefly deveria ter usado uma abordagem de opt-in que enviasse imediatamente um “obrigado por aceitar fazer parte do programa de email “Caption This Context, ou um email de welcome, alguns dias mais tarde, informando o vencedor do concurso.


“Emprestando” assinantes de uma marca para os emails de uma marca irmã. No final do ano passado, Old Nayv promoveu um concurso, chamado “Wish it, win it”, que dava aos consumidores a chance de ganhar tudo que houvesse em sua lista de desejos. Uma estratégia inteligente para experimentação das páginas do site, mas no formulário de inscrição, além do box  para você marcar que aceitava receber emails da Old Navy, havia outros 3 boxes em que você aceitava entrar nos programas das outras marcas da Gap: Banana Republic, Gap e Piperlime. Essa assinatura simultânea pode gerar sérios problemas para todas as marcas.

Usando endereços de email de formulários do tipo “envie para um amigo”.


E você, conhece alguns exemplos com usos discutíveis como estes?