Livro para crianças usa a interatividade do iPad para ensinar tolerância

O livro chama-se Pop It e foi feito pelo artista Raghava KK para o iPad. Pai de duas crianças e decidido a criar livros infantis com uma nova perspectiva, ele criou um livro sobre coisas que crianças pequenas fazem com seus país, tais como tomar um banho, brincar, mudar de roupa.Mas é notável porque usa um casal homossexual como os pais. No entanto, esses personagens podem ser mudados para um casal heterossexual ou um casal de lésbicas. Basta agitar o iPad.

“É uma metáfora para que mudemos de uma perspective para outra”, disse Raghava em entrevista ao site Mashable. “O relacionamento entre pais e filhos não muda se eles têm duas mamães, dois papais. Eu estou desafiando o conceito de família.”

Durante a criação do livro, Raghava fez testes com crianças, analisando quanto tempo eles passavam em cada páginas e usando os dados para determinar quais páginas deveriam ficar no livro. “As crianças são os críticos mais severos e as criaturas mais honestas”,  contou.

Raghava espera aplicar o conceito a outros assuntos controversos. Em um livro que planeja, deverá aplicar a tecnologia e a metáfora da “agitação” para apresentar as diversas visões, indianas, paquistanesas e inglesas, sobre a Independência da Índia. Sua intenção, na verdade, é fazer um projeto “open source”, para permitir que outras pessoas criem aplicativos para enfrentar problemas de intolerância ao redor do mundo.

Pop It  foi demonstrado na TED Global, em Edimburgo, Escócia, no início desta semana, e está disponível na loja da Apple por US$1.99. Raghava falou sobre o livro em um video. Confira.

Fonte: Mashable