Mães recentes e grávidas são mais influenciadas pelo boca-a-boca



Uma nova pesquisa do BabyCenter e Keller Fay Group mostra que mulheres grávidas e novas mamães engajam-se em conversações e troca de informações cerca de um terço mais do que o público total e inclusive outras mulheres. Mais ainda: 60% dessas conversações imbutem uma recomendação de compra, experimentação ou consideração de marca.


O Word of Mouth Marketing Study abordou 1.721 mulheres grávidas e novas mamães no primeiro trimestre de 2008 e descobriu que sentimentos positivos em relação a marcas superam em 10:1 os sentimentos negativos.


A maioria das discusses sobre marcas e produtos ocorrem pessoalmente, mas parte significativa da conversa é estimulada por conteúdos a que essas mães estiveram expostas via Internet e TV. Entre grávidas e novas mamães, a Internet é o motor nº 1 do boca-a-boca, batendo de longe todas as outras formas de mídia, incluindo TV, revistas e outdoors.

 

Fonte: MediaPost