McCain lança programa de fidelidade



Parece mesmo que esta eleição americana vai romper todos os paradigmas. Na busca pela indicação do Partido Democrata, Barack Obama já havia usado o conceito de rede social – e batido todos os recordes de arrecadação de fundos! (Leiam minha coluna na Cliente S.A. deste mês: abordo o tema.)

 

Agora, a bola passou para o outro lado: o candidato republicano, John McCain, está oferecendo pontos para quem ajudá-lo a “Spread the Word”, assim mesmo com esse tom bíblico-apocalíptico. A expressão, na prática, significa enviar para blogs e websites comentários que a campanha do candidato fornece. Os pontos acumulados podem ser trocados por lívros autografados por McCain, lugares especiais nos eventos da campanha e até mesmo viajar com o candidato em seu ônibus. Exatamente como todo programa de fidelidade.

 

O que você acha da estratégia? Fere, de alguma forma, a ética? Mais detalhes na matéria, em inglês, do Washington Post: