Netiquette: novas regras de como se comportar na Internet



Pra começar, uma questão importante: você sabe o que é netiquette? Então, vale a pena dar um pulinho na wikipédia (http://pt.wikipedia.org/wiki/Netiquette). Posso adiantar, no entanto, que netiquette, ou netiqueta, é a etiqueta que se recomenda observar na Internet, um conjunto de recomendações para evitar mal-entendidos em comunicações via internet, especialmente ememails, chats, listas de discussão, etc. Por exemplo, não escrever em MAIÚSCULAS. A sensação é que você está gritando e a resposta do interlocutor será invariavelmente mais mal educada ainda. O verbete que citei é bem extenso, mas, da mesma forma como o exemplo acima, é uma lista razoavelmente conhecida. Mas eis que surgem novos itens. Retirei-os de uma resenha do livro chamado, surpresa!, Netiquette, da autora Virginia Shea.




1. Lembre-se do fator humano. Ou seja, a circunstância de você estar se comunicando online não muda o fato de que há um ser humano na outra ponta. Que pode entender totalmente errado o que você quer dizer porque é muito, mais muito difícil determinar tom e contexto numa mensagem de email. Daí que, enquanto ser direto numa conversação face a face pode ser uma boa política, certamente não é quando a conversa ocorre online.




2. Utilize online os mesmos padrões de comportamento que você segue na vida real. É impressionante como, mesmo ser usar o recurso da anonimidade, a gente age de forma bem mais, digamos, liberal quando estamos online.




3. Reconheça onde você está no ciberespaço. Faz muito mais sentido observar a(s) conversação(ões) antes de participar no caso de nunca ter estado antes naquele fórum ou ambiente antes.




4. Respeite o tempo e a largura da bandas dos outros. Procure ter bom senso e não fique enviando coisas desnecessárias pela rede.



5. Procure parecer um cara legal online. Evite publicar cenas em que você aparece fazendo coisas das quais vai se arrepender depois. Parece que estamos vivendo uma fase em que as pessoas pensam que vale tudo para ter aqueles 15 minutos de fama. Ou infâmia. Acredite, isso vai passar, mas a sua vergonha, não.

6. Retribua o conhecimento que você está obtendo.
Infelizmente, muita gente ainda fica apenas solicitando informações e nunca posta nada sobre o que conhece.

As últimas quatro regras são, na opinião da resenha do MediaPost, autoexplicativas. Caso você não concorde, porém, estou à disposição.

7. Evite aumentar a temperatura das discussões.


8. Respeite a privacidade das outras pessoas.


9. Não abuse do seu poder.


10. Seja compreensivo com os erros das outras pessoas.


Fonte: Email Insider, MediaPost