O Google resolveu sair do gueto

Até o ano passado, parecia não haver vida publicitária fora do Google. Seria uma questão de tempo, na opinião de alguns, para que tudo se resumisse à gigante de buscas. Bastaria uma boa campanha de adwords para que nossos problemas de comunicação de marketing terminassem. Mas a vida é mais complexa do que sonha nossa vão estratégia de SEO.

Por um lado, surgiu o Facebook, também querendo circunscrever a realidade. Do outro, vieram as próprias dores do crescimento do Google. Lorraine Twohill, vice-presidente de marketing global da empresa, resumiu o dilema: “À medida que crescemos, tivemos mais concorrência, mais produtos, mais mensagens para os consumidores, de modo que precisamos nos empenhar um pouco mais para comunicar o que são esses produtos e como você pode usá-los”. 

Em outras palavras, o Google sentiu necessidade de usar outros canais, até os mais tradicionais, como campanhas de TV, para promover sua marca, sua história seus produtos. O Estadão publicou ontem, 8/1, um artigo do New York Times, que conta em detalhes o que o Google está fazendo na mídia tradicional. Vale a pena conferir.

Google invade a mídia tradicional

Fonte: www.advivo.com.br