Pares vs Influenciadores



Andei acompanhando um debate interessante em alguns artigos do MediaPost e gostaria de partilha-lo com vocês, pois é muito importante para a evolução do Marketing de Relacionamento. É sobre o papel que os “influenciadores” desempenham no disseminação de tendências. De um lado, fica a idéia de que há conjuntos de pessoas que exercem uma quantidade de influência significativa sobre outras e que ganhou recentemente uma base teórica com a obra do psicólogo Malcolm Gladwell. Do outro lado, vem a idéia de nenhuma pessoa tem mais influência que outra na criação de tendências. O paladino dessa posição é Duncan Watts, entre outras coisas, o líder da Yahoo! Research. Ele se apóia na teoria do caos.


 


São posições diametralmente opostas, expostas por grandes pensadores modernos – pobres de nós, portanto, que temos que desenvolver campanhas e que precisamos definir nossos públicos-alvo.


 


Sugiro a leitura dos livros dos dois. É o que eu vou começar a fazer neste final de semana. The Tipping Point, do Gladwell, e Six Degrees: The Science of a Connected Age, de Watts.