Perdendo a chance de desejar boas-vindas



Acabei de receber uma newsletter do Email Insider, abordando a importância de um “welcome email” quando alguém faz assinatura do seu próprio newsletter (ou realiza qualquer transação com você, eu acrescentaria). Impressionante essas “coincidências”, pois o assunto tem sido discutido enfaticamente aqui na Gradual. Estamos montando os processos para todas as nossas ações, tanto de prospecção como de manutenção, e a resposta rápida e simpática a quem nos dá a honra de se tornar nosso cliente, ou mesmo quem freqüenta nossas palestras foi um dos pontos abordados – com ênfase, repito.


 


Segundo o Email Insider, dois estudos recentes comprovam isso. O primeiro foi exatamente um estudo dos processos de assinatura realizado pela ReturnPath; o outro, uma enquete na indústria, conduzida pela Subscriber Mail, conjuntamente com o Email Experience Council. Em ambos, fica claro  mesmo quem usa mensagens criativas e relevantes, linhas de assuntos pertinentes e estratégias de segmentação efetivas, continua a negligenciar a oportunidade de dar as boas vindas ao seu novo assinante.


 


A mensagem de boas vindas é possivelmente o melhor momento de marketing oferecido a um anunciante e é realmente espantoso que as empresas não tirem mais vantagem dele. Segundo os estudos citados, a maioria das empresas manda simplesmente um raquítico “obrigado por assinar nosso email. Entraremos em contato com você”.


 


O artigo do newsletter também lista algumas boas práticas para uma excelente mensagem de boas vindas. Pretendo compartilhá-las com você amanhã.