Yahoo consegue resistir ao ataque de godzilla?



Brincadeiras à parte, estava todo mundo à espera dos resultados que o Yahoo! apresentaria para o primeiro trimestre. Finalmente, na terça-feiras, os resultados vieram e não foram ruins. Até superaram, “modestamente”, na expressão de alguns analistas, as expectativas. O problema é se foram suficientes para dar a segurança necessária a seus executivos de sustentar o pedido de um preço maior face aos 31 dólares por “share” que a Microsoft ofereceu.

 

O prazo dado por Steve Ballmer, CEO da gigante de Redmond, é o próximo sábado. Alguém arrisca o resultado?