Mark Zuckerberg pubIica seus planos para a próxima década

Até 2030, muitas das questões atualmente pendentes serão resolvidas, pensa ele
Como costuma fazer anualmente, o CEO do Facebook publicou um post onde apresenta os desafios que acredita ter pela frente. Desta vez, aproveitou para ampliar o foco e comentar o que acredita que ocorrerá até 2030. Em sua visão, temos razões para sermos otimistas e as questões importantes que julgávamos que teriam sido resolvidas serão nesta década. E ele espera que o Facebook contribua para isso:  “ao longo da próxima década, vamos concentrar-nos mais no financiamento e dar uma plataforma a empreendedores mais jovens, cientistas e líderes para permitir estas mudanças.” Ele também acredita no desenvolvimento de uma nova plataforma social privada, no fato de que a tecnologia vai criar mais oportunidades de descentralização, assim como uma nova plataforma de tecnologia substituirá o celular, provavelmente envolvendo realidades virtual e aumentada. Leia o post completo: https://www.facebook.com/zuck/posts/10111311886191191

CES 2020: vem aí a era de um ecossistema inteligente IA baseada em 5G

Durante a CES 2020, em Las Vegas, a Huawei apresentou uma visão do futuro da empresae focada em permitir que os usuários se beneficiem de um ecossistema mais robusto, seguro e centrado no consumidor, que ofereça experiências inovadoras em todos os cenários, alimentadas por tecnologias importantes como AI, 5G, chipsets proprietários e os Huawei Mobile Services. Os principais produtos que constituem a espinha dorsal de sua estratégia Seamless AI Life, a Vida Perfeita com IA, são o HUAWEI Mate X, o telefone dobrável 5G mais rápido do mundo; o HUAWEI Mate 30 Pro 5G, o primeiro smartphone 5G de segunda geração do mundo; o HUAWEI Freebuds 3, o primeiro fone de ouvido True Wireless Stereo com cancelamento ativo de ruído de ajuste aberto do mundo; e o HUAWEI Watch GT2, o mais inteligente smartwatch de alta resistência para uso em ambientes externos, além de outros produtos nas categorias wearables, tablets e CPE, com tecnologia de ponta proprietária da Huawei como o Kirin 990 5G, o primeiro 5G SoC do mundo, e o chipset Kirin A1 dedicado aos wearables. Para mais informações, acesse: http://consumer.huawei.com/br/
Toyota introduz seu Smart City Concept durante o CES 2020
Se a Internet das Coisas pode ser um alvo é para ele que a Toyota está mirando. Na CES 2018, o presidente da empresa, Akio Toyoda, detalhou a grande transformação pela qual a Toyota estava passando. “Meu objetivo é transformar a Toyota de uma empresa de automóveis em uma empresa de mobilidade”, disse ele na época. Na CES 2019, Toyoda disse que a empresa estava mudando seu foco para ajudar os motoristas em vez de substituí-los. Na CES deste ano, a Toyota está novamente ajustando seu foco, com a Toyoda introduzindo uma cidade inteligente planejada para ser construída em um local de 175 acres no Japão, na base do Monte Fuji. A “Woven City” faz parte das transições da montadora de uma empresa de transporte para uma empresa de mobilidade, como Toyoda definiu anteriormente. Em seu estande na CES, a Toyota exibiu um teatro circular para os participantes terem uma ideia da cidade de alta tecnologia quando concluída. Os edifícios seriam feitos principalmente de madeira fabricada com métodos de produção robótica e conteriam painéis solares nos telhados, além de usar a energia gerada pelas células a combustível de hidrogênio abaixo. Os produtos de transporte autônomo anteriores anunciados, incluindo e-Palette, Micro-Palette e LQ, seriam parte da cidade inteligente. Toyoda disse que a Toyota AI Ventures está lançando um apelo global à inovação para encontrar e financiar startups em estágio inicial, construindo soluções para cidades inteligentes e conectadas. Embora não mencionado na apresentação da CES, a Toyota ainda planeja continuar fabricando carros. Fonte: MediaPost AI&IoT Daily