Movimento Arredondar: ONG promove cultura de doação no varejo, por meio do arredondamento do troco

Arredondar valores de compras, com centavos, para estimular a cultura de doação no País e estimular mais pessoas a doar. Foi com essa ideia que em 2011, o economista e empreendedor social Ari Weinfeld criou o Movimento Arredondar, buscando parceiros do varejo, que abraçassem a causa para estimular os brasileiros a ajudarem ONGs por meio de microdoações. “Percebia que doar era uma prática muito distante das pessoas. Fosse por desconhecimento, desconfiança ou por acharem que precisavam doar muito. Por outro lado, as ONGs sempre tiveram grandes dificuldades para captarem recursos e o contato com as empresas traria mais visibilidade para a ação”, explica o fundador, Ari Weinfeld.

Comemorando 10 anos, o Movimento Arredondar foi despertando interesse de grandes redes varejistas, tais como: Pão de Açúcar e Minuto, Burger King Brasil, Petz, GOL Linhas Aéreas, NK Store, Shoulder, Track & Fields, Corello e Tricard. A solução já foi implementada em 1,5 mil estabelecimentos, que já obteve mais de 40 milhões de atos de doações e mais de 8 milhões de reais arrecadados. As doações são destinadas para 60 ONGS espalhadas pelo País, que atuam em diferentes causas sociais e ambientais.

Com o surgimento da pandemia, a expansão do programa para o e-commerce foi desacelerada, mas já está sendo retomada para implementar a solução em mais sites de compra. Durante o período de maior restrição e fechamento de lojas, o Movimento buscou novos formatos de parcerias, dentre elas a possibilidade de doações além dos centavos, até 5 e 9 reais.

A microdoação funciona da seguinte forma: o cliente da loja é convidado a arredondar o valor total da conta, no momento de pagar. Por exemplo, se a compra totalizou o valor de R﹩18,80, o atendente sugere ao cliente arredondar para R﹩19,00, explicando que os 20 centavos serão doados para o Movimento. O arredondamento da conta funciona para pagamentos em dinheiro, cartão e também em faturas mensais.

Para ajudar a viabilizar a adesão dos varejistas parceiros, uma equipe especializada da Arredondar oferece suporte de alinhamento jurídico e contábil, apoiando a construção de ações de comunicação e engajamento para envolver colaboradores e clientes, além de acesso ao sistema de acompanhamento do fluxo da arrecadação e envio de relatórios detalhados. Já os doadores recebem comprovantes e podem acompanhar informações de repasse e relatórios de auditoria no site. Como o Movimento não tem fins lucrativos, não há taxa de adesão e nem mensalidade. Cada parceiro define a causa apoiada e as ONGs da rede certificada, podendo trazer organizações de sua escolha.

Além de obter novos parceiros, atualmente, o principal objetivo do Movimento Arredondar é o de difundir a cultura da doação, criando canais que facilitem o ato de doar e estimulem o hábito solidário no dia a dia. “Se a gente conseguir fazer 15% da população doar, reconhecer a importância de contribuir para apoiar o trabalho das ONGs, já teremos cumprido a nossa missão”, conclui Weinfeld.