O Email Marketing está morto?

0
3

Já li diversos artigos em que a morte do email está
decretada, porém basta observarmos alguns números e tendências de mercado para,
claramente, verificar que este dia ainda está bem longe.

Email continua com o melhor ROI em marketing direto,
projetado em 2010 para US$ 42,08 por dólar investido. Segundo a Forrester,  o volume de email marketing enviado em 2013 atingirá
840 bilhões de mensagens, gerando receita para o mercado 38% superior à de 2009.
Em pesquisa realizada pelo Center of Media Research, 57% das empresas planejam
investir em ações de email marketing em 2010 e 56% em ações nas redes sociais,
sendo estas 2 as primeiras da lista.

Especificamente sobre as redes sociais, a velocidade do
crescimento atual é um fenômeno e hoje temos mais de 350 milhões de usuários no
Facebook, mais de 110 milhões de blogs e mais de 75 milhões de usuários no
Twitter.

Analisando as redes sociais, verificamos que todas fazem uso
de email como forma de aquisição, ativação, relacionamento e alertas com seus
usuários. Um dado que chama a atenção, foi compilado pela Nielsen, e mostra que
o consumo do recurso email em minutos é 3 vezes maior nos heavy users de redes
sociais, do que em relação aos usuários que fazem pouco uso das plataformas de
relacionamento. Este é um importante indicador de que as redes sociais não irão
extinguir o uso de email marketing, tampouco seus usuários mais intensos são os
que menos usam email.

As plataformas são complementares e a cada dia novas formas
de abordagem são aplicadas.

Email Marketing continua sendo um grande aliado na
estratégia de marketing digital das empresas e, na minha visão, sua morte está
bem distante.