O canal para quem respira cliente.

A preferência pelos meios práticos

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin
De acordo com levantamento  da Abecs (Associação Brasileira das Empresas de Cartões de Crédito e Serviços), as compras com cartões de crédito e débito movimentaram R$ 189,43 bilhões no primeiro trimestre do ano, alta de 16,9% em relação ao mesmo período de 2012. O crescimento está associado à contínua substituição de meios de pagamento por parte dos consumidores e o acesso de novos nichos de comércio e serviço ao sistema de cartões.  
Ao todo, os três primeiros meses do ano registraram 2,13 bilhões de transações com cartões, 14% de aumento em relação ao mesmo período do ano passado. “O consumidor brasileiro tem mudado o seu hábito e tem usado mais o cartão em vez de cheque e dinheiro, justamente porque o considera mais prático, conveniente e seguro”, diz Marcelo Noronha, presidente da Abecs.
Cartão de crédito
O valor de faturamento com o cartão de crédito foi de R$ 123,6 bilhões, o que representa um crescimento de 14,8% em relação ao primeiro trimestre de 2012. Esse instrumento foi responsável por 1,05 bilhão de transações no período, aumento de 12,6%. O volume financeiro movimentado em compras parceladas representou 50,4% do total, praticamente o mesmo peso das transações à vista, responsáveis por 49,6%. Porém, em quantidade de transações, a proporção foi de 20% para compras parceladas e 80% para compras à vista. Isso mostra que o tíquete médio do parcelado é quatro vezes maior do que o das compras à vista, indicando a preferência do consumidor de optar pelo parcelado quando há a necessidade de realizar compras de maior valor.
Os gastos de brasileiros no exterior feitos com cartão de crédito também contribuíram para o crescimento do setor, movimentando R$ 6,4 bilhões no primeiro trimestre, o que representa um aumento de 16% ante o mesmo período de 2012. Já o valor gasto por estrangeiros no Brasil, nesses três meses, foi de R$ 2,9 bilhões, aumento de 15,2%. Além da substituição de meios de pagamento e da ascensão social vivida no País, o avanço da tecnologia e da internet banda larga ajudam a embalar as vendas via comércio eletrônico. Em 2012, segundo dados da Abecs, o cartão de crédito foi responsável por cerca de 74% das vendas do varejo on-line.
Cartão de débito
O levantamento mostra que o brasileiro tem usado mais o cartão de débito do que o de crédito para pagar suas compras. No primeiro trimestre, essa modalidade foi responsável por 1,09 bilhão de transações no período, aumento de 15,2% em relação ao primeiro trimestre de 2012, movimentando R$ 65,8 bilhões, crescimento de 21,2%. 

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima