Alerta no mercado automotivo!

0
3

Autor: Arthur Guitarrari
Que o brasileiro adora carros ninguém duvida. A troca de veículo figura no orçamento familiar com prioridade para muitas famílias, e não é à toa que a indústria automotiva é responsável por movimentar cerca de 20% do Produto Interno Bruto, PIB, do país. É um dos setores mais importantes no desenvolvimento da política industrial do governo, por conta do seu potencial de indução ao crescimento e geração de empregos, diretos e indiretos, em diversos outros setores econômicos.
O mercado de automóveis se mostra ainda mais promissor a partir da divulgação da prorrogação do Imposto sobre Produtos Industrializados, IPI, até dezembro de 2013.  Com a boa notícia, o segmento deve aquecer, após um trimestre morno. Dados divulgados em abril pela Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores, Fenabrave, apontam que as vendas de veículos caíram 5,5% em março deste ano, na comparação com igual mês de 2012. A partir da prorrogação do IPI, as projeções de crescimento passam de 2,6% para 3%, segundo a mesma entidade. 
Já de acordo com a Associação Nacional das Empresas Financeiras das Montadoras, Anef, a concessão de crédito para financiamento de veículos deve crescer em 8% neste ano. No entanto, fatores como a alta da inflação e elevação da taxa de juros devem causar impacto na inadimplência. Para quem concede crédito, a atenção deve ser dobrada. Assim, é hora de organizar a agenda de cobrança para manter a base de dados atualizada, não só para realizar uma boa análise de risco na concessão do crédito, mas também para localizar pessoas inadimplentes e poder efetuar uma comunicação mais eficiente com os eventuais devedores. 
O mercado dispõe de ferramentas que contemplam ao mesmo tempo todos esses serviços, com a agilidade necessária para efetivar propostas, uma vez que podem ser disponibilizados apenas por meio de uma única plataforma online. A partir do cruzamento dos dados cadastrais de pessoas e empresas, é possível identificar o comportamento comercial do consumidor e tornar a transação comercial mais segura. Além disso, as soluções são customizadas, pois podem ser adquiridas de forma flexível, ou seja, você só compra o que realmente for necessário ao seu negócio. Endereços, telefones e dados em geral mudam permanentemente. As empresas especializadas nos serviços de consulta também realizam, de forma constante, a atualização, higienização e, assim, validação de tais informações.  Trata-se de um diferencial que traz vantagens para todos os ciclos dos negócios.
Arthur Guitarrari é gerente de marketing e novos negócios da Zipcode.