Clique no banner e vote na fera que te representa!
Clique no banner e vote na fera que te representa!

O canal para quem respira cliente.

Cai inadimplência em condomínios de SP

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin



A inadimplência em condomínios da cidade de São Paulo continuou caindo este ano, mas em um ritmo bem menor do que o apurado em 2009. É o que aponta levantamento da Lello, empresa de administração condominial no Estado, com base em cerca de 1.000 empreendimentos gerenciados na capital paulista. No primeiro semestre de 2010 o índice médio de boletos de condomínio com atraso superior a 30 dias ficou em 4,3% do total emitido pela administradora, contra 4,5% no mesmo período do ano passado. A queda foi de 4,4%. Na comparação com os seis meses iniciais de 2008, quando a inadimplência média foi de 6%, a redução chega a 28,3%.

 

O pico da inadimplência em condomínios foi registrado em março deste ano, com 5,9% dos boletos em aberto após 30 dias da data do vencimento, seguido por fevereiro, com 4,4%. Janeiro foi o mês com o menor índice apurado: 3,1%. Segundo Carlos Henrique, gerente de cobrança da Lello Condomínios, a inadimplência média nos condomínios atinge um patamar baixo na cidade, após a legislação estadual que permitiu inscrever o nome de condôminos devedores em serviços de proteção ao crédito. “Essa lei entrou em vigor em 2008, provocando quase que imediatamente uma forte redução do número de boletos em atraso e gerando acordos com os moradores”, afirma Carlos.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima