Crédito passa os R$ 2 trilhões

0
2



A Febraban anunciou a superação do recorde de R$ 2 trilhões de saldo de operações de crédito no fechamento de 2011, com um crescimento esperado de 18,5%. Segundo o levantamento preliminar, o saldo das operações de Recursos Livres que o BC divulga esta semana deve apresentar crescimento de 1,9%, entre os maiores do ano. O avanço será mais expressivo em PJ, com crescimento de 2,8%, sobretudo em Grandes Empresas, o que deve ter relação com algum efeito restritivo da crise internacional na captação via mercado de capitais/exterior. Mantido o desempenho do crédito direcionado, que deve ter encerrado 2011 com crescimento de 23%, de 27,5% em 2010, o volume total de crédito na economia deve superar o patamar de R$ 2 trilhões pela primeira vez, com aumento de 18,5% em 2011, de 20,5% em 2010, se aproximando do patamar de 49% do PIB.