Inadimplência com cheques cai 18,95%

0
15



A pesquisa mensal sobre liquidação de cheques feita pela Telecheque, empresa especializada em análise de crédito em compras com cheques, registrou uma inadimplência de 2,31% dos valores transacionados em setembro. O número equivale a uma queda de 18,95% em relação aos valores de agosto. Na comparação com o mês de setembro de 2011, a queda foi de 5,71%.

 

Como nos outros meses, a falta de fundos é novamente a principal das causas de atrasos na liquidação, com 77,4% do total registrado. Os demais motivos representaram: cheques sustados, 9%; roubados ou furtados, 3,8%; fraudados, 1,7%; e outros motivos, 8,2%. O valor médio dos cheques em setembro teve ligeira alta em relação ao mês de agosto: 0,73%, passando de R$ 346,79 para R$ 349,32. Comparando-se o valor médio de setembro de 2012 com o de setembro de 2011 (R$ 295,18), houve uma elevação de 18,34%.

 

Em setembro, a região Norte liderou os índices de inadimplência, com 2,83% dos valores transacionados. A região Nordeste ficou em segundo lugar com 2,78%. As outras colocações no ranking foram: 3º lugar, Sudeste, com 2,33%; 4º lugar, Centro Oeste, com 1,99%; e em 5º lugar, a região Sul, com 1,78% de inadimplência.