Inadimplência com cheques cai

0
2
O índice de inadimplência com cheques de setembro caiu 0,06 ponto porcentual em relação ao mês anterior, passando de 2,56% para 2,50%, segundo Pesquisa Nacional sobre Liquidação de Cheques feita pela TeleCheque.  
O fator que mais contribuiu para esse cenário foram os cheques sem fundos, com 73,2% do total, seguidos pelos sustados, 11,2%; roubados/furtados, com 4,4%; fraudados, com 0,8%; e outros, com 10,4%.
Cada transação com cheque feita em setembro no Brasil teve valor médio de R$ 781,93, 21,57% maior em relação ao mesmo período de 2012. Se comparado a agosto deste ano, houve elevação de 1,63% no valor. Já em comparação com o primeiro mês do terceiro trimestre (julho), o ticket médio aumentou 3,69%, equivalente a R$ 27,85 a mais em cada folha de cheque.