LatinCob e IGeoc promovem troca de experiências

0
30



A inadimplência levou o setor de cobrança a índices recordes no Brasil. As empresas do setor realizaram 25,8 milhões de ligações para telefones fixos e 17,2 milhões para celulares. Já os contatos via SMS cresceram 135% em um ano e atingiram o índice de 15,3 milhões de envios. E a postagem de cartas e boletos chegou a 1,7 milhão. Esses e outros dados serão apresentados no 5º Intercâmbio das Associações de Crédito e Cobrança da América Latina, promovido pela LatinCob e pelo Instituto Geoc, entre os dias 15 e 16 de agosto, em São Paulo.

 

Outro número que apresentou crescimento é o de pessoas empregadas. O setor registrou alta de 8,2% no último ano, chegando a 97 mil trabalhadores, segundo o Instituto Geoc. Para o presidente do instituto, Jair Lantaller, até o fim do ano novas contratações serão realizadas. “Essa forte demanda de emprego vai permanecer enquanto a inadimplência ficar nesse patamar de 5,8%”, avalia.

 

No intercâmbio, que acontece anualmente, representantes do setor trocam experiências e discutem a evolução do segmento. “A abertura deste ano será feita pelo professor João Seixas, do Ibmec, que vai falar sobre o cenário econômico da América Latina e seu reflexo na cobrança para esses países”, adianta a superintendente do Instituto Geoc, Anna Zappa.