Norte e Nordeste lideram inadimplência

0
17
No mês de março, o número de consumidores inadimplentes nas regiões Norte e Nordeste cresceu 8,69% e 8,12%, respectivamente, em relação ao mesmo período do ano passado. Os dados são do indicador mensal de inadimplência regional calculado pelo Serviço de Proteção ao Crédito, SPC Brasil, e pela Confederação Nacional de Dirigentes Lojistas, CNDL. A única região do país que registrou aumento inferior à média nacional (6,58%) foi a Sudeste, cujo crescimento apurado foi de 5,25%. Os Estados do Sul apresentaram alta de 7,55% no número de pessoas inadimplentes e a região Centro-Oeste, crescimento de 6,64%.
Na avaliação da economista do SPC Brasil, Luiza Rodrigues, o ano de 2013 foi um período de baixo crescimento econômico para a região Norte, fato que somado ao maior acesso ao crédito nos últimos anos, pode ter contribuído para a forte alta de inadimplentes verificada no mês passado.  Com relação à região Nordeste, novamente, o maior acesso ao crédito aparece como fator relevante para explicar, parcialmente, o crescimento da inadimplência. Isso ocorreu apesar de os indicadores de atividade mostrarem que a economia local cresce a um ritmo superior a média nacional. “Mesmo com o desemprego em baixa e o aumento das contratações formais, algumas regiões, como o Nordeste, têm apresentado aceleração da inadimplência. O dado surpreende e preocupa”, afirma Luiza Rodrigues.