Pesquisa aponta novo perfil do consumidor

0
14



A Boa Vista Serviços, administradora do SCPC, realizou o primeiro levantamento de amplitude nacional sobre o comportamento do consumidor nesse novo quadro de expansão do crédito que elevou a relação crédito/PIB de 24% para 50% em cerca de 10 anos.


De acordo com o estudo, declarações como “consumidores de baixa renda pagam suas contas em dia”, “o consumidor não pensa em juros, mas no valor da parcela” e “a renda das famílias de classe baixa é mais volátil” foram colocadas à prova no levantamento e algumas se mostraram inverídicas. Segundo Fernando Cosenza, diretor de sustentabilidade da Boa Vista, com as mudanças que aconteceram no mercado de crédito é necessário revisitar afirmações como essas: “O cenário tem se alterado de forma acelerada e queríamos entender se essas hipóteses continuam válidas”, justifica.


Por meio de entrevistas qualitativas e quantitativas em todo o Brasil, a Boa Vista constatou, ao revisitar percepções tradicionais sobre o mercado de crédito, que é verdadeira a afirmação de que o consumidor olha primeiro as parcelas e depois os juros: 30% dão prioridade ao valor das parcelas quando vão fazer um financiamento e 15% olham em primeiro lugar o número de prestações. Os juros são a preocupação de apenas 22%.


O estudo apontou ainda que os consumidores de classes sociais mais baixas têm dificuldade para cumprir seus compromissos no prazo: 45% dos entrevistados da classe C e 48% das classes D/E afirmam que é difícil quitar suas dívidas, em comparação a 15% da classe A, e que nas classes C e D/E a inadimplência é maior, 23% e 21%, respectivamente.