Um velho conhecido de cara nova!

0
11



VMI (Vendor Management Inventory) – “Um velho conhecido de cara nova”.


 


È um “velho conhecido” estava voltando na minha vida, mas agora de “cara nova” e com um outro nome em inglês – VMI. Isto mesmo se buscarmos os conceitos de VMI vamos encontrar uma similaridade brutal com o famoso CRM Transacional, onde somente as interações comerciais são armazenadas e com elas as empresas podem gerar ofertas e soluções comerciais adequadas aos seus clientes; aproveitando as oportunidades geradas pela interação das informações.


Depois de trabalhar quase 2 anos neste projeto, imagino que o VMI foi criado como solução para muitos problemas de implementação de uma estratégia de CRM, muitos foram os projetos que afundaram durante o percurso por falta de objetividade de seus líderes.


 

Basicamente, o VMI funciona por não buscar aquela bíblia de informações sobre os clientes que nunca foram ou serão utilizadas para nada, quando as empresas que nos vendem os softwares de CRM começam a trabalhar e para valorizar sua mercadoria, introduzem milhões de oportunidades. Mas como sempre as empresas de software colocam um especialista em sistemas como consultor, por mais que queremos evitar o CRM fica inchado e com um monte de “informações podres”.

 


“Se o CRM não deu certo, não desista, tente primeiro o VMI”


 


Reflita comigo,


– Para que interessa a empresa o nome da sogra ou o aniversario de casamento do cliente?


– Em que essa informação poderá ser revertida como oportunidade de crescimento comercial ou de relacionamento empresa x cliente?


– Quanto de recurso será investido para capturar estas informações? Compensará?


 


Quando formos tratar de conceitos de um VMI e sua correlação com o CRM, talvez assim aquele projeto engavetado em sua empresa possa ganhar uma nova oportunidade de ser colocado em prática; ou mesmo aquele sentimento de busca por relacionar-se com seus clientes, rejeitado anteriormente tão doloridamente possa retornar.


Então aqui vai meu primeiro conselho:


 


Se quiser entrar para o mundo do CRM, comece acertando!


Comece com um projeto de VMI!


 


E o melhor, no VMI tudo é automático, não depende de gente alimentando ferramentas tecnológicas. Se sua empresa não estava pronta para o CRM, comece pelo VMI, com isso a maturidade de sua empresa vai chegar e a possibilidade de interagir com seus clientes será uma realidade. Parece difícil ou caro para sua empresa? Pura ilusão.


Você e sua empresa já possuem a maioria das informações, guardadas a set palmos de terra no sistema de ERP que faz toda a gestão de suas informações; basta desenterrá-lo que muitas oportunidades vão aflorar


 


Se sua empresa já trabalha com as informações financeiras, aconselho, caso queira tirar mais proveito ainda delas, a realizar workshops internos buscando com a interação entre diferentes deptos. encontrar novas oportunidades de captura de oportunidades. Acredito que uma iniciativa de VMI é a porta de entrada para um CRM; não requer prática nem grandes investimentos em ferramentas tecnológicas, afinal você e sua empresa já têm o “bando” de dados (seu sistema transacional), bastando apenas ter um grupo de “garimpeiros” que fiquem procurando oportunidades ocultas e não percebias facilmente no atropelo do dia a dia, principalmente nos deptos. de faturamento e expedição.


 


VMI é uma estratégia que permite a empresa fornecedora, através de uma ferramenta tecnológica conhecer em tempo real toda a movimentação de seus produtos em cada cliente, revendedor ou consumidor. Com isto poderá planejar com maior eficiência toda a reposição de produtos necessária, bem como toda sua linha de produção com o menos custo operacional.


 


Agora pense comigo, do que adianta todo o investimento em qualidade, propaganda e na marca, se quando o consumidor chegar ao ponto de venda não encontrar o produto?


Você enquanto consumidor, deixa de comprar e vai para outro ponto de venda procurar pelo produto não encontrado ou compra outro que considera similar? E já pensou que se o outro produto satisfizer ou superar a sua expectativa, vai mudar de marca?


A estratégia de VMI vai permitir aos fornecedores buscar a excelência operacional na produção e logística de entrega que vai abastecer os pontos de venda, evitando a possibilidade de perda de vendas ou ruptura nos estoques.


 


Por isso, a gestão dos estoques (VMI), hoje vem se tornando uma ferramenta muito procurada pelos fornecedores e com resultados imediatos e vantajosos, tanto para eles como para os seus clientes.


Se sua empresa não estava pronta para o CRM, comece pelo VMI, com isso a maturidade de sua empresa vai chegar e a possibilidade de interagir com seus clientes será uma realidade.