LinkedIn fora da China e “How to Stop Facebook”

LinkedIn era a última grande rede social dos EUA ainda operando na China, mas a Microsoft anunciou na semana passada que vai fechar suas operações naquele país. A razão seria evitar a censura na Internet que tem se tornado mais severa por lá.
A saída, porém, não será total, pois ainda este ano haverá uma solução de busca de empregos específica para a China do LinkedIn. Mas sem os demais recursos de mídia social do LinkedIn.
A informação saiu no Blog Oficial do LinkedIn
Em outra fonte de dor de cabeça para os gigantes das mídias sociais, uma coalizão criou a iniciativa “How to Stop Facebook”. Segundo o portal NextTV, Public Knowledge, Fight for the Future, National Hispanic Media Coalition e o Center for Digital Democracy estão entre os mais de quarenta grupos por trás da campanha. Os objetivos são a criação de uma lei nacional de privacidade de dados, uma extensa investigação do Facebook e da ação da Federal Trade Commission contra a coleta de dados e algoritmos de vigilância.