A surdez das empresas

0
1



O livro “A surdez das empresas: como ouvir a sociedade e evitar crises”, do jornalista e consultor Francisco Viana, chega às livrarias na próxima semana, editado pela Lazuli. A publicação inclui um case inédito: Bombril, “Das páginas policiais à recuperação econômica”, relatado por José Bacellar, co-autor do livro, executivo que comandou a administração judicial da empresa. Também conta com artigos de Leonardo Mancini, professor da ESPM-RJ e de Matheus Furlanetto, gerente de Relações Públicas da Aberje.

 

Em síntese, é um trabalho que combina uma visão histórica das primeiras crises da era pré-capitalista, com experiências práticas e a análise conceitual das crises que se sucedem cada vez com mais intensidade junto às empresas na atualidade. A reflexão histórica do autor começa com a análise da experiência vivida pela Companhia das Índias Ocidentais que por dois séculos dominou os negócios do mundo e terminou com uma simples penada do governo inglês, cansado de vê-la ambicionar ser maior que o Estado.

 

Relata também, em detalhes, o histórico case do grupo Rockfeller – protagonizada pelo cujo líder, David Rockfeller -, que deu origem à comunicação corporativa nas empresas modernas. Graças à comunicação associada com mudanças no modelo de negócios, o empresário deixou de ser o inimigo número 1 da América para transformar-se no herói do mundo dos negócios. Tudo aconteceu entre os anos de 1914, com o início da crise que resultou na morte de mais de meia centena de pessoas – e por pouco não leva a família Rockfeller à prisão ou ao linchamento público – até 1937, ano da morte do patriarca, cujo funeral comoveu os americanos.

 

São, ao todo, quatro capítulos que se somam para traçar um painel das diferentes formas de crise de comunicação que abalam as empresas. No capítulo de abertura, a ´Cultura da Surdez´, Viana faz uma minuciosa reflexão sobre a origem das companhias – que tem suas estruturas espelhadas no Exército e da Igreja -, apontando as razões culturais da incapacidade de ouvir o que a sociedade democrática exige. Assim, conclui que o choque entre a imagem e reputação das empresas, gerado pela inadequação entre o discurso e realidade, tornou-se o grande adversário dos negócios.

 

Ficha técnica
Livro: A surdez das empresas: como ouvir a sociedade e evitar crises
Autores: Francisco Viana, José Bacellar, Leonardo Mancini, Mateus Furlanetto
Editora: Lazuli / Companhia Editora Nacional
Páginas: 216
Preço: R$ 26,00

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorPós-venda com responsabilidade
Próximo artigoA aposta na bancarização