Administração eficiente

0
14

Os 1300 funcionários de umas das duas unidades agroindustriais brasileiras da Michelin chamadas de Plantações Edouard Michelin têm conseguido agilizar os processos administrativos, financeiros e contábeis da empresa, a partir da implantação do Corpore RM, software integrado de gestão empresarial da RM Sistemas. A unidade, que está localizada no Mato Grosso (MT) e tem uma das maiores plantações de seringueiras do Grupo Michelin, sendo responsável pela produção de 12 mil toneladas de borracha por ano, realizava os processos internos por sistemas que não eram integrados, o que gerava uma série de problemas como perda de dados, desvio de informações e acúmulo de papéis.
Segundo Paulo Chales, gerente administrativo da Michelin Mato Grosso, com o software os setores passaram por uma desburocratização. “Agora tudo é automático e as operações são rastreadas do início ao fim, ou seja, conseguimos acompanhar eletronicamente todas as informações geradas pelo financeiro, contabilidade, estoque e almoxarifado”, conta Chales. Na gestão de compras, por exemplo, o software trouxe uma redução de três dias no processo. “Existia uma rotina dentro da empresa para finalizarmos uma ordem de compra. Primeiro um funcionário passava a solicitação para aprovação da gerência e da diretoria. Depois, a requisição era encaminhada, via malote, ao almoxarifado, que por sua vez tinha de redigitar no sistema antigo todos os dados da solicitação. Hoje, todos os pedidos de compra estão disponíveis no sistema e todos os funcionários têm acesso. O pedido é feito, passa pelas aprovações e segue diretamente para o almoxarifado, eletronicamente, trazendo maior segurança dos dados e agilidade das informações”, explica.
Outras áreas também foram beneficiadas com o sistema de gestão da RM. Os setores contábil e financeiro conseguem, agora, controlar rigorosamente os prazos das contas a pagar e a receber, por meio de um único banco de dados. “As contas ficam programadas para atender às datas de vencimento. Não há mais o risco de atrasos ou extravio de informações”, finaliza Chales.
O desempenho do projeto despertou o interesse da empresa para mais dois projetos em novas áreas. Até o final de 2005, a unidade Michelin MT finalizará a implantação do Corpore RM no Recursos Humanos e no cartão de ponto.