Agilidade no atendimento ao cidadão

0
5


Pernambuco tem hoje um dos mais modernos serviços de atendimentos ao cidadão de todo o Brasil. Hoje, por meio do Centro Integrado de Operações da Secretaria de Defesa Social (Ciods), é possível acessar serviços da Polícia Militar, Polícia Civil, Polícia Científica, Bombeiros e Secretaria de Ressocialização. Além dessa integração de serviços, recentemente o Ciods também ampliou a área de cobertura dos serviços, que hoje abrange Recife e a Região Metropolitana toda, ou seja, 14 municípios. O sistema também está utilizando nova cartografia digital, incluindo imagens de satélite de toda a região metropolitana de Recife (RMR). Houve ainda a ampliação do número de atendentes e de despachadores, além do upgrade de versão de todo o sistema.

Para viabilizar todo esse processo o Ciods implantou a solução I/CAD para automação de recursos de segurança pública (forças policiais) e demais sistemas de assistência (como bombeiros e ambulâncias), fornecida pela Sisgraph, representante exclusiva da Intergraph no Brasil e América Latina. Segundo Alexandre Perez, gerente geral do Ciods, a implantação do I/CAD foi fundamental para o funcionamento do Centro. “Optamos por um sistema já usado em outros países, com qualidade comprovada e que até hoje não relata nenhum caso de interrupção. No nosso Estado não fazemos aventuras tecnológicas. Escolhemos sempre bons produtos, que geram retorno ao nosso investimento”, explica Alexandre.

Com o sistema, o gerente geral conta que o cidadão liga para o 190, 193 ou 197. Daí, a sua solicitação é encaminhada para as cabines de despacho que providenciam o atendimento de campo de acordo com a natureza da chamada e proximidade das viaturas. “Muitas vezes as pessoas recorrem aos nossos serviços como uma última opção. Então, a rapidez e agilidade neste atendimento podem salvar vidas”, pondera.

Além disso, Alexandre conta que a solução da Sisgraph também permite controle e interação com informações geradas pelas chamadas, que resulta na criação de bancos de dados estatísticos. Isso abre a possibilidade de melhor planejamento de operações para a inteligência policial, permitindo aos órgãos de segurança pública do Estado acesso fácil e rápido ao banco de dados da Secretaria de Defesa Social. “A evolução na qualidade do atendimento com a solução da Sisgraph foi muito grande. Outra vantagem para nós é que o produto é estável e de fácil utilização”, completa.

O gerente geral do Ciods também destaca a importância da solução na diminuição do número de trotes. A solução é integrada à base cadastral das operadoras, o que permite identificar cada chamada e saber de onde está sendo feita a ligação, inclusive de telefones públicos. Já foram feitos vários flagrantes de pessoas passando trotes por meio dos orelhões. “Quando atende a ligação, o funcionário do Centro pode informar ao cidadão de onde está sendo feita a chamada. Se for alguém interessado em passar um trote, com certeza irá desligar”.