O canal para quem respira cliente.

Amostra de uma fidelização

Ir ao supermercado ou a grandes centros de compras nem sempre pode ser uma tarefa fácil para determinadas pessoas. É uma vasta variedade de produtos, na qual as diferenças podem ser mínimas. E, a todo o momento, encara uma guerra para se destacar, sem contar as inúmeras marcas que surgem a todo instante. Então, como fazer com que a pessoa dê atenção ao seu produto, deseje comprá-lo e, até mesmo, possa ser fidelizado? Ao contrário do que muitos podem acreditar, não é preciso criar ideias mirabolantes, ou fazer mágica. A solução pode ser simples. Nesse sentido, uma estratégia um tanto quanto tradicional no mercado é o oferecimento aos consumidores de amostras para experimentação. Chamada como sampling, a ação promocional traz a oportunidade de a pessoa provar o produto ou serviço antes de adquiri-lo. “É uma das técnicas mais utilizadas, sobretudo pelas empresas de consumo”, explica Henrique de Castro, sócio-fundador da agência DUEE Brasil.
Tal estratégia faz com que o cliente reduza em tempo considerável a demora ao realizar a primeira compra do produto promocionado, segundo o executivo. Pois, dependendo da experiência tida naquele instante de experimento, ele é capaz de ter uma decisão mais rápida sobre querer ou não comprar o item. “O sampling impacta diretamente no momento mais importante na escolha de compra: no ponto de venda”, acrescenta.
Além disso, a ação conta com a vantagem de não possuir um custo muito alto para seu investimento, junto com a possibilidade de fazer com que a pessoa conheça uma marca em que não tinha o hábito de comprar. “Há um baixo valor de investimento, se comparado a outras estratégias de marketing e pode instigar o consumidor a comprar e se tornar fiel à sua marca”, aponta Castro.
Mas, para que a estratégia seja positiva, o executivo aconselha sobre a necessidade fundamental de capacitar a equipe de campo. Pois a forma como ela atenderá os clientes nos pontos de venda será determinante para o sucesso da ação, bem como para o produto. Dessa forma, eles devem ser bem treinados e precisam passar todas as informações corretas, como também precisam saber conquistar o público. “Um erro no gerenciamento ou uma equipe mal treinada poderá afetar de forma negativa a imagem da marca para o consumidor.”

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima