O canal para quem respira cliente.

Anatel de olho nas operadoras

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin

Os fiscais da Anatel (Agência Nacional de Telecomunicações) já vistoriaram 132 lojas de atendimento ao público de telefonia móvel, desde o início da operação de fiscalização para aferir o cumprimento das metas de qualidade. As prestadoras fiscalizadas pertencem aos grupos Brasil Telecom GSM, Claro, Tim, Vivo, Oi, Telemig Celular/Amazônia Celular, CTBC Telecom Celular e Sercomtel Celular.
Após 72 horas de operação, as equipes da Agência identificaram irregularidades como prazo superior aos 10 minutos para atendimento ao público previstos na regulamentação e atendimento exclusivo para venda de produtos e serviços. As regras estabelecem que o atendimento deve aceitar qualquer demanda do usuário, apesar de os atendentes alegarem que reclamações como erros em conta, reparos e defeitos, e desligamento/bloqueio/cancelamento do serviço só podem ser feitos por meio de seus call centers. A fiscalização também registrou as práticas de atendimentos não protocolados, contrariando a regulamentação. Esse número de protocolo é a garantia do usuário de que poderá acompanhar sua queixa ou, não sendo solucionada, comprovar ao Órgão Regulador o registro da reclamação.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima