Anatel libera venda de chips de celulares

0
1



A partir desta sexta-feira, 03, as operadores Tim, Oi e Claro poderão retomar a comercialização e a habilitação de novas linhas telefônicas móveis nas Unidades da Federação, onde estavam suspensas por medida cautelar desde o dia 23 de julho, por falhas na prestação do serviço.

 

Segundo o presidente da Anatel, João Rezende, as propostas das empresas foram consideradas satisfatórias e terão acompanhamento trimestral do órgão, o que abre a possibilidade de uma nova punição, em caso de não cumprimento do acordado. “A expansão da base de assinantes deve ser acompanhada por investimentos que permitam a melhoria contínua da qualidade do serviço. As prestadoras devem entregar aos seus clientes tudo aquilo que prometem”, frisa o executivo. E o controle deve ser rigoroso, de acordo com Rezende, de “antena por antena”.

 

Juntas, Tim, Oi e Claro se comprometeram a investir R$ 20 bilhões em ações de melhoria da qualidade do serviço, no período de 2012 a 2014. Os investimentos devem contemplar elevação no número de antenas e na capacidade de tráfego de voz e dados. Outros pontos avaliados pela Anatel incluem o atendimento ao cliente nos contact centers, que deve ter o número de reclamações reduzido, e o índice de interrupção das chamadas.