As MPMEs no mundo digital

0
1


Estudo feito durante o ciclo de seminários Comércio Eletrônico para a Micro, Pequena e Média Empresa, realizado em parceria entre Correios e Camara-e.net, durante o ano de 2005 em oito importantes cidades brasileiras, mostra um cenário otimista relativo à conscientização dos empreendedores brasileiros sobre a importância das tecnologias da informação e da digitalização de processos para o desenvolvimento empresarial.

Os participantes responderam a um questionário sobre o uso das tecnologias da informação nas empresas. Além das consultas presenciais, as mesmas perguntas foram enviadas por e-mail à base de contatos da Camara-e.net. Dentre as cerca de 8 mil respostas, a partir de um universo de mais de 25 mil pessoas, a maioria das empresas estão situadas nos setores de serviços e comércio, cabendo apenas a 14% dos participantes o setor industrial.

Quanto à inclusão na Internet e no comércio eletrônico, 77,1% possui website, 85,8% possui banda larga, 45,8% faz comércio eletrônico e 47,6% não faz. Quando questionadas sobre o faturamento que o comércio eletrônico representa dentro do total da empresa, 20,9% das respostas apontaram entre 5 e 10%. Mais de 37% das respostas apontam a falta de informação disponível a quem está começando e a baixa capacitação dos recursos humanos como os principais gargalos para quem quer se digitalizar.

Segundo Cid Torquato, diretor executivo da Camara-e.net, a Internet é considerada importante para os negócios por quase 90% dos entrevistados, dos quais 60% a consideram fundamental para a produtividade de suas empresas. “A questão é digitalizar ou morrer empresarialmente!”, pondera o executivo.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorCallcenter.inf.br
Próximo artigoNivea renova callcenter