Atka adere ao outsourcing

0
1



A Atka, que administra as empresas Royal Polímeros, RoyalPlas e BAQ, produtoras de poliéster, gel e massas plásticas, migrou o ambiente de TI de todas as empresas para Data Center da integradora NetMicro, responsável pelo outsourcing e por serviços de telecomunicação. A decisão de terceirizar foi impulsionada pelo processo de aquisição o qual a Atka acaba de passar, quando comprou uma das unidades pertencia ao Grupo Denver.


De acordo com Luís Augusto Müller Padilha, Coordenador de Informática e Telecomunicação, o projeto de terceirização foi uma feliz surpresa para a equipe de TI da companhia, composta por apenas três profissionais. A primeira empresa a migrar o Banco de Dados foi a Royal Polímeros. Toda a transferência foi feita em 15 dias. “A partir do projeto na Royal Polímeros, escolhemos a terceirização completa e já estamos migrando as demais empresas do Grupo”, comenta.


O contrato com a NetMicro é sob demanda e de acordo com o número de funcionários. Ou seja, a Atka paga valor mensal, como serviço e sob medida, para 100 usuários do sistema de gestão ERP Microsiga. O parque possui 120 máquinas, no total. De acordo com Luís, são decisivas as vantagens do outsourcing. Para ele, dentre as principais, destacam-se ambiente sempre atualizado; otimização da equipe de TI; ganho em segurança interna e externa; além de conforto e tranquilidade. “Com a terceirização, nossa equipe de TI pôde voltar-se as suas atividades-fim e já pudemos sentir redução da necessidade de suporte técnico e manutenção”, aponta o coordenador.


Muito mais que uma simples hospedagem do sistema de Gestão ERP da Microsiga, a NetMicro também monitora a rede da companhia no formato 24x7x365. Dessa forma, é possível fazer um trabalho pró-ativo de segurança e detectar possíveis falhas antes mesmo que ela venha a afetar o cliente. Também fez parte do projeto da NetMicro, a implementação de serviços de telecom com a interligação das cinco unidades do Grupo via rede virtual privada (VPN). Atualmente, as unidades de Suzano, Guarulhos, Osasco e a Atka em São Paulo têm comunicação segura e redundante com firewalls no modelo TZ 170 da fabricante SonicWall.