Banda Larga cresce 8% no Brasil

0
0



A sexta edição do Barômetro Cisco de Banda Larga mostra crescimento de 8% na base de usuários de banda larga no Brasil, em relação ao primeiro trimestre deste ano. São 493 mil novos consumidores dos serviços de Internet em alta velocidade no País. Em comparação com o mesmo trimestre do ano anterior, o aumento foi de 35,9%. Nos últimos 12 meses (junho de 2006 a junho de 2007) o Brasil registrou 1,733 milhão de novas conexões.

 

“O crescimento continua estável, graças à competitividade e à queda de preços no segmento. Mesmo assim, é necessário que o governo, em parceria com a iniciativa privada, estude alternativas para estimular a expansão no número de acessos em Banda Larga. Isto pode ser feito por meio de políticas de redução de preços e benefícios fiscais, além da inclusão do segmento nas estratégias futuras de incentivo”, explica Pedro Ripper, presidente da Cisco do Brasil.

 

Outra tendência para esse mercado é a adoção da Banda Larga móvel. “Já sentimos um movimento estratégico das principais operadoras de telefonia móvel do País. A maioria já tem este serviço ou anunciaram o lançamento para breve. O 3G é uma solução para ampliar a Banda Larga no País, com a possibilidade de levar o acesso aonde a Banda Larga fixa não chega”, destaca Pedro.