Boas perspectivas para TI

0
7



Os executivos norte-americanos prevêem uma receita mais sólida e lucros superiores do setor de tecnologia da informação em 2011, embora enxerguem um caminho de recuperação mais longo para a economia de seu país como um todo, segundo resultados do levantamento realizado pela KPMG. O estudo constatou que quase 90% dos entrevistados esperam que as corporações em todo o mundo aumentem os gastos de TI neste ano e destacaram a China (86%), a Índia (57%) e o Brasil (42%) como os países que devem ter o maior crescimento da receita no setor.

 

Os resultados da pesquisa da KPMG demonstram que 86% dos executivos de tecnologia acreditam que as organizações globais vão aumentar seus gastos de TI esse ano, com um terço deles prevendo aumentos nos gastos na faixa de 4-6%. “Mais da metade dos entrevistados acreditam que a taxa de crescimento tanto para a computação em nuvem quanto para aplicações móveis poderá superar 10% nos próximos dois anos”, afirmou Frank Meylan, sócio da área de Performance & Technology da KPMG no Brasil.