Bradesco unifica base de clientes

0
2



O Bradesco transferiu para a plataforma alta (mainframe com banco de dados DB2) 92% da base de clientes da organização para o programa chamado Club – Cliente Único Bradesco, depois de passar por um processo de tratamento de dados e de uma bateria de testes que durou um ano e meio, segundo matéria do TI Inside. Hoje o banco soma 40 milhões de cadastros únicos.

 

Mesmo assim, o cluster continua a alimentar as bases dos sistemas das plataformas baixas, que ainda não foram desligados, pois ainda há cerca de 10 milhões de indivíduos para serem colocados na base e uns 400 a 500 sistemas ligados no cadastro novo. Até setembro, 12 sistemas mais importantes estarão na nova plataforma, sendo os demais de pouca complexidade.

 

Agora, o Bradesco também está trabalhando em um processo de atualização sistêmica, na implantação de um processo de centralização, na padronização de indicadores de performance, entre outras iniciativas de melhoria da base de dados de relacionamento. Para dar suporte na operação, a instituição financeira contratou a System Marketing Consulting.