Brasil lidera em número de celulares na AL

0
2



O Brasil detém hoje 36,9% dos celulares de toda a América Latina, com cerca de 143,2 milhões de linhas ativas. O número faz parte da pesquisa realizada pela Everis, em parceria com a Escola de Negócios da Universidade de Navarra (IESE Business School), tomando como base as estatísticas da União Internacional das Telecomunicações (ITU).

 

“O mercado de telefonia móvel está em ampla ascensão e cresceu cerca de 23,6% anualmente, nos últimos oito anos. O Brasil tem grande destaque entre os países analisados, com uma elevada quantidade de aparelhos. Mas, quando a comparação é feita com relação à população, o País fica entre os que possuem o menor número de celulares para cada 100 pessoas”, afirma Teodoro Lopez, sócio responsável por Telecomunicações da Everis Brasil.

 

Os dez maiores países da América Latina totalizaram, no final de 2008, 388 milhões de celulares, o que equivale a 9,6% do total mundial de linhas. O Brasil, com 143,2 milhões, o México, com 76,9 milhões, e a Argentina, com 44,8 milhões, juntos representam cerca de 7 de cada 10 linhas móveis da América Latina.

 

Na região, a penetração da telefonia móvel é liderada pela Argentina (112,2 celulares para cada cem habitantes), seguida pelo Uruguai (109,7) e Venezuela (103,3). Os três países da América Latina com o menor número de aparelhos em relação à população são a Bolívia (38), o México (71,5) e o Brasil (73,9), embora só o primeiro se encontre abaixo da média mundial.

DEIXE UM COMENTÁRIO

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui

Artigo anteriorDimensionamento e métricas
Próximo artigoTSA inaugura segundo site