Cai número de devolução de cheques sem fundos

0
1

A devolução de cheques por falta de fundos caiu 4,5% em maio de 2004 comparada a abril, de acordo com estudos da Associação Brasileira das Empresas de Informação, Verificação e Garantia de Cheques (Abracheque). Em abril foram 15,4 cheques devolvidos para cada mil compensados, enquanto que em maio foram 14,7 devoluções para cada mil compensações.
Em relação a maio de 2003 a queda de devolvidos por falta de fundos chega a 11,5%, já que no ano passado foram 16,7 devolvidos para cada mil compensados e neste ano, em maio, o número foi de 14,7. “Esse índice de devolução pode cair ainda mais se considerarmos que, nos primeiros 30 dias, há uma recuperação de pelo menos 50% dos cheques por parte do consumidor”, afirma Carlos Pastor, presidente da Abracheque.
A Abracheque estima que, até o final deste ano, haverá um aumento de cerca de 18% no volume movimentado com cheque pré-datado no varejo. Em 2003 foram movimentados R$ 372 bilhões. Para 2004 espera-se um movimento de R$ 439 bilhões.