CEOs brasileiros usam cada vez mais tecnologia

0
12



A quinta edição da série bianual de Pesquisas Globais de CEOs da IBM, Global CEO Study 2012, realizado pela divisão de consultoria da IBM, constatou que a Tecnologia da Informação é um dos focos de investimento para 73% dos CEOs brasileiros que participaram da pesquisa que ouviu mais de 1,7 mil CEOs de 18 segmentos de mercado em 64 países. “Tecnologia tem servido como impulsionadora para a mudança organizacional, sendo considerada como quesito fundamental para as empresas se manterem competitivas e agregarem valor ao negócio. Este aspecto pode ser observado pelo aumento de 44 pontos percentuais no índice nacional em relação à edição anterior (2010), quando a média foi de 29%”, afirma Jesus Mantas, líder de consultoria da IBM para a América Latina.


Ainda de acordo com a pesquisa, 77% dos presidentes brasileiros identificam o conhecimento sobre os clientes como uma área crítica de investimento, tendo como plano a melhoria da capacidade de extrair insights significativos por meio do aproveitamento e análise das informações. No entanto, os desafios são muitos, uma vez que os consumidores estão cada vez mais conectados, informados e com poder de influência, adotando uma postura mais exigente em relação à qualidade dos produtos e serviços oferecidos pelas empresas. Neste sentido, 71% dos CEOs brasileiros afirmaram que pretendem realizar mudanças em até cinco anos, tais como melhoria do entendimento de suas necessidades individuais e otimização do tempo de resposta às necessidades de mercado. Para tanto, dados do estudo mostram que os líderes planejam migrar gradativamente da mídia tradicional para a social, com o objetivo de criar conexões individuais com seu público-alvo. Hoje no Brasil, 14% das empresas utilizam mídias sociais como mecanismo de interação com os clientes. Em até cinco anos este número deve saltar para 60%, segundo os entrevistados, enquanto a mídia tradicional deve cair dos 35% hoje para 17% nos próximos anos.