Cigam integra NF-e da Rede Megapetro

0
2



A Nota Fiscal Eletrônica (NF-e), projeto da Receita Federal, aos poucos vai ganhando o mercado. Para o setor de combustíveis, a NF-e é obrigatória desde abril. De olho nisso, a Rede Megapetro integrou ao ERP Cigam já utilizado, o módulo disponível da nota fiscal eletrônica para os mais de 100 postos que possui.


Para a instalação da solução na Rede Megapetro, a Cigam levou apenas uma semana. “Foi necessário apenas ajustar a base de dados para adequar às exigências fiscais antes de iniciar o processo de emissão da NF-e. O usuário recebe um gerenciador de emissão e com isso, tem um controle total sobre as notas, podendo verificar quais já foram enviadas para a receita e que aguardam a confirmação por parte da receita”, explica Ouriques.


Além da obrigatoriedade prevista, mais motivos demonstram que a adesão à NF-e é a melhor saída para facilitar os processos. Segundo o responsável pelo suporte da Cigam, André da Rocha, existem mais vantagens em ter o módulo integrado. “O usuário pode acompanhar a situação das notas por meio do gerenciador NF-e, onde também é possível imprimir o Documento Auxiliar da Nota Eletrônica – DANFE em formato personalizado. Visto que o processo é automatizado, o usuário que estiver lançando as notas, tecla apenas um botão para que o documento seja enviado à Secretaria da Fazenda”, conta.


No caso da Megapetro, as mudanças ficaram por conta do ambiente instalado. “Foi feito o up-grade para a versão e10 do ERP Cigam, além da configuração de WebServices, porém, causando mínimo impacto aos processos dos usuários. O tempo de treinamento de usuários é de uma hora, agilizando ainda mais a utilização da ferramenta”, conclui Rocha.