Cliente mais próximo

0
1

Os últimos dez anos ficaram marcados pela evolução dos canais para chegar até o cliente. No entanto, os objetivos do relacionamento continuam sendo os mesmos: conhecer e se aproximar cada vez mais do consumidor. A opinião é de Silvana Torres, CEO da Mark Up, que em entrevista exclusiva comenta a evolução do mercado na última década.’
ClienteSA -Quais as principais mudanças que enxerga do mercado nesses últimos 10 anos?
Silvana Torres – O objetivo principal dos projetos de relacionamento não mudou. O que se espera deles é a mesma coisa como resultado final: aumentar o conhecimento sobre o cliente, maior aproximação e melhorar a oferta de serviços e produtos. O que mudou foram as ferramentas e a tecnologia para se alcançar tais resultados. Hoje, existe no mercado uma gama de facilidades que não existiam e que proporcionam maior agilidade, flexibilidade e menores custos. 
Quem era a Mark Up há 10 anos e quem ela é hoje?
Há 10 anos a Mark Up era bastante diferente. Hoje, somos uma agência predominantemente de serviços de relacionamento e eventos, e os produtos de premiação que eram nosso principal negócio tornaram-se secundários. Temos agora Holding Up, que controla a Mark Up (relacionamento) e a High Up (eventos). Em janeiro lançaremos mais duas agências, uma de marketing digital e outra especializada na Classe C. Também temos um comitê de liderança formado pelos três principais diretores da e a gerente de RH que participam de forma integrada de todas as decisões.