O canal para quem respira cliente.

Como melhorar experiência no e-commerce?

Quem possui uma loja virtual ou pensa começar um negócio no e-commerce já deve ter ouvido falar sobre a importância da “experiência do usuário”. Mais do que estar na moda, a expressão já e uma tendência no setor e os empreendedores digitais se mobilizam cada vez mais para facilitar a navegação dos usuários. Mesmo que invistam em novos layouts e campanhas de marketing, essas medidas são apenas os primeiros passos para garantir uma boa jornada de compra ao consumidor.
  
As operações e processos que geralmente não aparecem para o público, como a adesão à plataforma de gestão e sistemas de pagamentos, também devem ser voltados ao cliente, afirma Luan Gabellini, sócio-fundador da Betalabs. Para isso, o executivo listou cinco dicas básicas de como melhorar a experiência de compra do consumidor no comércio eletrônico. 
1- Cuide do estoque: “não há nada mais frustrante do que concluir uma compra e receber o produto meses depois, porque ele estava indisponível”, comenta. Assim, com plataformas e soluções tecnológicas integradas, é possível realizar uma gestão adequada do estoque e evitar a venda de itens que estão em falta.
2 – Pense no consumidor: a administração do negócio online precisa estar voltada a atender demandas e interesses do público e não do próprio dono. “Incorpore ferramentas que beneficiam o cliente. Afinal, o que é melhor para você nem sempre é o mais adequado para os compradores.”
  
3 – Primeiro o mobile: a cada dia é maior a necessidade de o conteúdo precisa estar adaptado aos dispositivos móveis. No relatório Webshoppers, por exemplo, mostra que a cada dez vendas no e-commerce brasileiro, uma é feita por tablet ou smartphone. E a tendência é que esse número aumente ainda mais nos próximos anos.
4 – Faça SEO: ao focar o mobile, é preciso desenvolver técnicas de SEO e marketing digital que estejam de acordo com as novas regras de indexação do Google para dispositivos móveis. “Só assim sua loja virtual estará em um bom ranqueamento nas buscas feitas em tablets e smartphones.”
 
5 – Omnichannel: esteja presente em todos os canais que seu público-alvo frequenta, incluindo mídias online e off-line, como redes sociais e anúncios em revistas e TVs. “Com a evolução tecnológica, o consumidor quer ser atendido da mesma forma em todos os canais e vai privilegiar lojas que têm esta capacidade”, finaliza Gabellini.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Rolar para cima