Compartilhar é a tendência da vez

0
1
Uma das principais tendências atuais verificadas pela Ford é o crescimento do compartilhamento de carros e outros bens e serviços, segmento que ganha força na economia global. “A economia compartilhada deve gerar mais de R$52 bilhões em receitas globais, e a projeção é que até 2025 possa chegar a R$1,17 trilhão, com o compartilhamento de carros crescendo 23%”, afirma Will Farrelly, especialista área de inovação da experiência do usuário da Ford. Desde carros e música até hospedagem de férias, as pessoas estão mais preparadas do que nunca para compartilhar bens e serviços. “Usando o smartphone, você pode rapidamente ‘dividir’ carros e caronas, favorecendo a mobilidade e reduzindo os congestionamentos”, diz Farrelly.
 
Para entender essa nova tendência, a Ford Europa promoveu uma pesquisa sobre atitudes dos consumidores em relação ao compartilhamento de carros e outros bens e serviços. Uma de suas conclusões é que, se emprestar as chaves do carro já foi considerada a maior prova de confiança, hoje a maioria dos europeus admite compartilhar a sua “joia” com alguém que não conhece.
 
Das 10.016 pessoas entrevistadas na França, Alemanha, Itália, Espanha e Reino Unido, 55% compartilhariam o seu carro por dinheiro, 44% compartilhariam a sua casa, 33% o seu telefone celular e 17% até mesmo o seu cão. A maioria também se disporia a dirigir para outros (78%) ou transportar pacotes (78%). Além disso, 76% recorreriam à carona compartilhada, 73% a um serviço de vaga de estacionamento e 72% usariam carros compartilhados. Os entrevistados homens e mais jovens foram os mais propensos a abraçar a economia do compartilhamento: 61% dos homens disseram estar preparados para dividir o seu carro, comparado a 49% das mulheres. Entre homens e mulheres de 25 a 34 anos essa porcentagem sobe para 68%.
 
Automóveis e mobilidade
 
Como parte da sua transformação em uma empresa automotiva e de mobilidade, a Ford está investindo fortemente em novas oportunidades de negócios através do plano Ford Smart Mobility, para ser líder em conectividade, mobilidade, veículos autônomos, experiência do cliente e análise de dados. Uma delas é o FordPass, nova plataforma de serviços para os clientes em parceria com empresas de combustível, pagamento móvel de estacionamento, compartilhamento de carros e outras. Recém-lançada nos Estados Unidos, ela agora está sendo gradativamente expandida para outras partes do mundo.
 
Outros exemplos são os serviços Ford Carsharing, com 176 estações na Alemanha, o GoDrive, em Londres, e o CarAmigo, primeiro serviço de aluguel de automóveis entre particulares da Bélgica. Nos Estados Unidos, com o Dynamic Shuttle, a Ford oferece um serviço de carona sob demanda para os empregados da sua sede em Dearborn. Este ano, iniciou também o aplicativo MyBoxMan, que permite aos motoristas ganhar dinheiro com a entrega de encomendas, usando o sistema de conectividade SYNC dos seus carros.