Comprar primeiro na Internet e pagar depois

0
2
Neste ano, o e-commerce no país movimentará R$ 49,8 bilhões em 2015, alta de 26% em relação ao ano anterior. Apesar do cenário positivo, o país possui apenas 57 milhões de e-consumidores, ou seja, menos da metade da população que acessa a internet já fez uma compra online. Assim, como qualquer empresa, conquistar o cliente no comércio eletrônico tem-se mostrado um dos principais desafios das empresas. 
Pesquisas do setor mostram que o medo de pagar e não receber, o receio de fornecer dados bancários, os processos complicados para concluir a compra e a falta de opção de pagamento ou crédito ainda são entraves para o crescimento do e-commerce no Brasil. Com o objetivo de diminuir tais barreiras e fazer com que consumidores aumentem a sua confiança nas compras on-line, a Koin traz ao país a solução pós-paga. Assim, a pessoa faz sua compra pela Internet e paga somente após receber o produto. No momento da compra, ele não precisa fornecer o número do cartão de crédito ou demais dados bancários, nem é necessário preencher um novo cadastro e ele ainda recebe um limite de crédito para efetuar suas compras. 
 
“A Koin é uma nova forma de vender pela internet, que ajudará o varejista a atrair novos compradores”, destaca Marcos Cavagnoli, CEO da empresa. De acordo com o executivo, disponibilizar a solução pós-paga pode aumentar em média 30% o volume das vendas online. “A segurança de receber primeiro e pagar depois, aliada à rapidez para finalizar a compra, gera mais conversões para o lojista. A solução pós-paga é uma opção importante para impulsionar o comércio eletrônico no Brasil. Com ela, o lojista virtual pode ampliar suas vendas, pois atrai aqueles que ainda não se arriscam a fazer uma compra por medo de fornecer dados financeiros pela internet. A Koin é também uma opção para aqueles que desejam comprar, mas ainda não possuem cartão de crédito”, ressalta. 
 
Neste momento de instabilidade econômica, oferecer diferenciais nas opções de pagamento pode ser o caminho para as empresas continuarem vendendo. “Além de disponibilizar um crédito para compra, o lojista proporciona ao cliente a reprodução da experiência da loja física na compra online, onde ele primeiro recebe o produto e somente depois paga por ele, o que é bem mais eficaz que uma simples promoção, por exemplo”. 
 
Para o lojista, a vantagem também está nas outras ferramentas que a empresa garante para a segurança das transações. A Koin assume os riscos de inadimplência e fraude da operação, sem que seja necessário contratar sistemas adicionais de proteção. Ou seja, a loja recebe à vista independentemente do cliente pagar pelo produto e das condições de parcelamento. Além disso, há o serviço Koin E-mail, que, a partir de uma análise na base de compradores, define e oferta a compra pós-paga em condições diferenciadas para o cliente. Outro é o Koin Recuperação, que oferece a possibilidade de aumentar a sua taxa de recuperação, seja no checkout ou no abandono do carrinho.