Confiança social

0
2



Pesquisa Índice de Confiança Social, realizada pelo Ibope Inteligência, aponta que argentinos confiam menos em instituições e grupos sociais do que os brasileiros. Em uma escala de zero a 100 pontos, o índice de confiança dos brasileiros é 60 e dos argentinos é 53. Entre as diferenças verificadas nos dois países estão os índices obtidos em relação aos governos. A diretora executiva de atendimento e planejamento, Márcia Cavallari, diz que os resultados precisam ser interpretados dentro da conjuntura política e econômica do momento em que a pesquisa for realizada. “Constatamos que a confiança é resultado de uma relação de conformidade que se estabelece entre o comportamento ideal e o real de uma instituição, por isso fatos do dia-a-dia podem interferir na credibilidade das instituições”, explica.