O canal para quem respira cliente.

Conip apresenta o Mobile Government

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin



Começou hoje, no Palácio das Convenções do Anhembi, em São Paulo, o Conip – Congresso de Informática Pública, fórum brasileiro em Tecnologia da Informação na esfera pública. O evento vai até o dia 19 de maio. Seguindo sua prática de apresentar tendências para o mercado, o evento apresenta como principal novidade em sua décima primeira edição o M-Gov (Mobile Government ou Governo Móvel), um novo conceito de governo eletrônico por meio do celular.
A tecnologia se refere à oferta de informações para a população em equipamentos portáteis, como celulares e equipamentos de mãos, e tem como principal objetivo promover a inclusão digital, facilitando o acesso do cidadão aos serviços públicos. “O Brasil tem hoje mais de 65 milhões de celulares em operação (dados da Agência Nacional de Telecomunicações – Anatel) e acredita-se que essa seja a melhor forma de fazer a integração digital no País”, destaca o diretor do Conip, Vagner Diniz.
“É inevitável que este seja um canal mais forte para a disseminação do governo eletrônico do que os computadores, já que alcança uma abrangência maior de pessoas”. Hoje, existem no Brasil cerca de 15 milhões de PCs, e a maioria está em escritórios. Ou seja, o acesso da população a eles ainda é muito limitado. “O poder de interação de um celular é cinco vezes maior do que de um computador”, aponta Diniz.
O conceito de M-Gov será tema de um painel durante o congresso, no dia 17 de maio, das 14 às 18hs. Além da apresentação de casos de sucesso, durante o evento também será lançado o Desafio Conip, cujo objetivo é destacar as melhores práticas de uso do celular como meio de inclusão digital.
M-Gov em prática – Alguns municípios já empregam o conceito de M-Gov para facilitar a vida dos cidadãos. Em Curitiba (PR), existe um serviço telefônico que permite a consulta de dados sobre veículos, tais como multas, licenciamento e verificação de roubo. Os moradores interessados em comprar um carro usado, por exemplo, recebem no aparelho celular a ficha completa do veículo. O Detran do Paraná informa se o automóvel é roubado, está irregular e se o antigo proprietário pagou o IPVA – basta fazer uma ligação.
Representantes dessa instituição e da Companhia de Informática do Paraná (Celepar) apresentam o tema Soluções sem fio no Governo do Paraná durante o Painel de Iniciativas de M-Gov, para relatar esse caso de sucesso.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima