Consumidores se mantém satisfeitos

0
2



O INSC, Índice Nacional de Satisfação do Consumidor, da ESPM, manteve-se estável em junho, com 56,9%. O setor financeiro registrou 73,5% de avaliação positiva dos clientes, retração de 2,4 pontos percentuais, em razão das notas atribuídas aos bancos – 43%, com queda de 4,9 pontos percentuais em relação a maio – e às seguradoras, que, com alta de 4,7 pontos percentuais, fecharam o mês com 68% de satisfação.

 

Dos 25 setores pesquisados, nove registraram queda na satisfação no mês de junho: lojas de departamento, supermercados, bancos, telecom, personal care, eletroeletrônicos, construtoras, gás e telefonia fixa. Os demais segmentos – automobilístico, bebidas, alimentos, farmacêutico, vestuário, saneamento básico, indústria digital, seguradoras, bens de consumo, convênios médicos, hospitais e laboratórios, aviação, drogarias, transportes metropolitanos e energia elétrica – tiveram alta na avaliação dos consumidores brasileiros.