Criada a holding Resulta CNP

0
1



Três empresas brasileiras de pesquisa de mercado – a Resulta, a CNP e a Mindroads – anunciam a formalização de uma joint venture para aumentar a participação no ramo de negócio em que atuam. A operação resultou na criação de uma holding, a Resulta CNP, que terá uma estrutura e capacidade de investimento similar ao de uma multinacional. Com a união das empresas, cria-se a segunda maior empresa de capital nacional do setor, e uma das top 10 do país.


A estratégia da nova empresa é oferecer um serviço completo de atendimento aos clientes, com o desenvolvimento de pesquisas de alta qualidade. De acordo com Marcos Veçoso e Fabrizio Spinelli, principais diretores da Resulta CNP, o usuário brasileiro de pesquisa de mercado não encontrará em outra empresa a junção dos seguintes elementos: estrutura, custo/benefício, flexibilidade, inovação e experiência.

 
A Resulta CNP surge com três escritórios em São Paulo e outros seis nas seguintes capitais: Rio de Janeiro, Belo Horizonte, Salvador, Recife, Porto Alegre e Curitiba. Até o final de abril entrará em atividade uma subsidiária nos Estados Unidos, que cuidará das operações internacionais da nova empresa, tanto de projetos que vêm de fora para o Brasil como para a América Latina.

 
Segundo Fabrizio Spinelli, diretor da Resulta CNP, a abordagem da nova empresa é inovadora no Brasil uma vez que, diferentemente dos concorrentes, que normalmente oferecem vários pacotes prontos, ela pretende aproveitar a sua expertise e ferramentas para desenvolver projetos baseados em métodos validados, mas absolutamente adaptáveis às necessidades de cada cliente. “Toda a nossa campanha é pautada na concepção de atelier de artes. Possuímos a experiência e as ferramentas necessárias que ajudarão o cliente a realizar sua obra prima de marketing”, afirma.


A estrutura da empresa conta, também, com um quadro de aproximadamente 400 colaboradores, considerando funcionários fixos e autônomos. Na joint venture, foram absorvidos todos os colaboradores das três empresas. Além disso, mais dez profissionais foram contratados.


O surgimento da Resulta CNP chama a atenção porque, segundo Veçoso, a formalização de uma joint venture no ramo de pesquisa de mercado é uma experiência nova no Brasil. “Não se tem notícia de empresa brasileira que tenha feito isso no país. É a primeira vez que acontece uma operação dessa natureza nesse mercado”, finaliza, acrescentando que o processo de integração deverá estar concluído até meados do ano.