O canal para quem respira cliente.

Crise parece chegar aos poucos no Brasil

Share on facebook
Share on whatsapp
Share on twitter
Share on linkedin



Os efeitos da crise parecem chegar ao consumidor e aos economistas aos poucos. Ambos, estão menos confiante neste fim de ano, de acordo com dados da Fecomercio – Federação do Comércio do Estado de São Paulo. Apesar do clima de final do ano afetar positivamente o humor do consumidor, este ano ocorreu o contrário. Dados do Índice de Confiança do Consumidor (ICC) mostram queda de 4,2% (127 pontos) em relação a novembro e 9,4% em relação a dezembro de 2007. Esta foi a terceira baixa consecutiva do índice, registrando o menor nível de confiança do ano e o menor nível para os meses de dezembro desde 2003.

 

O Índice de Sentimento dos Especialistas em Economia (ISE) também apresentou queda em dezembro. Segundo a Fecomercio, houve queda de 9,5% em relação ao mês anterior e alcançou 71,1 pontos. Essa é a quinta queda consecutiva e mostra o aumento do pessimismo dos economistas frente à atual conjuntura econômica mundial. A continuidade na queda do otimismo esse mês foi decorrente, principalmente, da deterioração das expectativas dos economistas em relação à percepção presente, que registrou neste mês uma aceleração do ritmo de deterioração, passando de 60,4 pontos em novembro para 51,3 pontos em dezembro, queda de 15%.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Rolar para cima